Home » Cadeia do Leite » Gato por Lebre

Gato por Lebre

16/03/2017 14:26:03 - Por: Osvaldo Martins de Barros Filho

Sinceridade e honestidade são valores que estão cada vez mais em extinção no mundo - ou selva - dos negócios.

Responsive image
Sinceridade e honestidade são valores que estão cada vez mais em extinção no mundo - ou selva - dos negócios. Pude comprovar esta tese recentemente!

Estava em busca de um veículo semi novo. Procurei nas concessionárias da região e não encontrei nenhum carro que fosse completo (ar e direção). Então parti pra internet e caí no site da Webmotors. Tem uma opção de busca avançada onde você coloca o modelo, ano, km e até o preço que está disposto a pagar e o site te oferece várias opções.

Até aí, maravilha! Selecionei vários anúncios de lojas e entrei em contato via e-mail/telefone agendando um dia pra ir até São Paulo conferir os carros ofertados. E depois de rodar mais de 300km pra chegar até a capital paulista começaram as decepções: todos carros anunciados foram vendidos momentos antes da minha chegada – mesmo eu ligando no dia avisando que estava indo pra loja – já não estavam mais no estoque das lojas. Todavia: sempre tinham um outro carro semelhante ao anunciado, porém bem inferior ao anunciado!

A sensação que tive foi de ter sido enganado na cara dura. Queriam me vender gato por lebre a todo custo! “O do anúncio vendeu hoje de manhã, senhor” disse uma vendedora com o batom borrado na boca. “Mas eu tenho esse aqui que é 2013” emendou, sem ficar vermelha. Mentira!!! Prova é que os anúncios estão no ar até hoje, para atrair outros interessados! Para enganar outros consumidores. Para ludibriar outros potenciais clientes!

Agora reflita: compensa mesmo fazer isso? O lucro obtido numa venda gerada através de fraude, engano e mentira vai pagar o peso na consciência? Não é muito melhor ser sincero, honesto, transparente com o cliente?

Se o cliente quer comprar lebre e você tem a lebre pra vender, beleza! Não se atreva a vender gato no lugar, senão os clientes vão virar uma fera, arranhar a imagem da empresa e riscar sua reputação.