Home » Cadeia do Leite » Com queda em dezembro, preço do UHT é o menor da série histórica em SP

Com queda em dezembro, preço do UHT é o menor da série histórica em SP

18/01/2018 10:52:40 - Por: Aline Pires e Frederico Delle Vedove Ilenburg, em Boletim do Leite Cepea-Esalq/USP

Essa desvalorização está atrelada à baixa demanda, que já estava enfraquecida no correr de 2017, mas caiu ainda mais por conta do período de final de ano e das férias escolares.

Responsive image
Após uma ligeira alta em novembro, o preço leite UHT negociado no mercado atacadista do estado de São Paulo caiu em dezembro, tendo média de R$ 1,93/litro, a menor, em termos reais, da série histórica do Cepea, iniciada em março de 2010. O recuo no preço foi de 8,2% em relação a novembro e de 17% frente a dezembro/16 (os valores foram deflacionados pelo IPCA de dez/17).

Essa desvalorização está atrelada à baixa demanda, que já estava enfraquecida no correr de 2017, mas caiu ainda mais por conta do período de final de ano e das férias escolares. Enquanto no início de dezembro o UHT era negociado a R$ 2,03/litro, chegou a R$ 1,88/litro no encerramento do mês, com queda acumulada de 7,4%.

Já o queijo muçarela teve média de R$ 14,28/kg em dezembro, alta de 0,51% frente a novembro, mas baixa de 6,23% em relação a dezembro/16. Tipicamente, o preço da muçarela responde mais lentamente às mudanças de mercado em comparação com o leite UHT, uma vez que este último é o principal lácteo consumido. Em dezembro, especificamente, o preço médio da muçarela acumulou queda de 0,5%. A pesquisa diária de preços é realizada pelo Cepea e tem apoio financeiro da OCB (Organização das Cooperativas Brasileiras).


De acordo com a pesquisa de derivados quinzenais, o leite em pó foi o derivado que apresentou a alta mais expressiva no preço, devido principalmente aos embargos de importação do produto em outubro e novembro, diminuindo a oferta em dezembro. Na média Brasil, o leite em pó integral se valorizou 4,52% de novembro para dezembro, com a média a R$ 16,42/kg. Para os demais derivados lácteos, os valores se mantiveram praticamente estáveis, com baixos volumes de vendas sendo reportados.